Tree biomass loss

Esse conjunto de dados reflete toneladas estimadas de emissões de dióxido de carbono na atmosfera como resultado da perda de biomassa acima do solo. As estimativas são baseadas na colocação de valores de densidade de biomassa lenhosa acima do solo para o ano 2000 de Baccini et al. (2012) com dados anuais de perda de cobertura arbórea de 2001 a 2018 de Hansen et al. (2013), ambos com resolução espacial de aproximadamente 30 metros. Todo o carbono acima do solo é considerado emissões "comprometidas" para a atmosfera após a limpeza. As emissões são estimativas "brutas" e não "líquidas", o que significa que as informações sobre o destino da terra após a limpeza e o valor de carbono associado a ela não são incorporadas. As emissões associadas a outros pools de carbono, como o carbono do solo, não estão incluídas nesses arquivos. A perda de biomassa, como a perda de cobertura de árvores, pode ocorrer por várias razões, incluindo desmatamento, incêndio e extração de madeira no decorrer das operações florestais.

As emissões em duas unidades diferentes de área são fornecidas aqui: 1) toneladas de emissões de CO2 da perda de biomassa lenhosa acima do solo / hectare e 2) toneladas de emissões de CO2 da perda de biomassa lenhosa acima do solo / pixel. O primeiro é apropriado para visualizar as emissões (mapeamento) porque representa a densidade das emissões por hectare. O segundo é apropriado para análises que envolvem o cálculo de emissões em uma área de interesse específica (AOI) porque os valores dos pixels na AOI podem ser somados para obter as emissões totais para essa área.

Dados e recursos

Informações Adicionais

Campo Valor
Região
País
Estado
Idioma
Nível da observação
API
Microdados
Coleta
Ano(s)
Periodicidade
Grátis
Registro
Disponibilidade
IP brasileiro
Fonte
Versão
Autor
Email Autor
Mantenedor
Email Mantenedor